Izabella Alves

Esse foi um ano que eu aprendi quem eu sou, foi um tempo que eu tive para aprender e amadurecer a ideia de quem é Isabela Pereira Alves, que eu aprendi que a vida não se resume a mim, e sim a um conjunto chamado sociedade. Então eu queria agradecer pela maravilhosa oportunidade de crescer e de me reconhecer, e acima de tudo de aprender a Amar, muito obrigada e saibam que eu serei eternamente grata a vocês.

———————

Eu sempre acreditei que tudo no qual sempre quis era sonho, muitos deles um tanto quanto improváveis, um desejo que dificilmente se tornaria realidade e fazer intercâmbio era um deles. Até o dia que eu conheci uma garota que me mostrou que tudo era possível quando se luta. Ela era uma estudante de intercâmbio do Rotary, Devin O’Brien, uma doce estadunidense.

Neste este momento minha relação com o Rotary começou. Me lembro de um dia que eu estava conversando com ela e a seguinte pergunta saiu de minha boca: “Mas porque você escolheu o Brasil? Tem tanto lugar melhor.” Hoje eu entendo a resposta dela, coisa que eu não fazia a um ano atrás, ela me disse que eu nunca deveria pensar assim do meu país, que todo lugar tem seus problemas e qualidades e que basta nós escolhermos qual lado nós vamos escolher mostrar.

Hoje eu entendo perfeitamente, se não fosse pela sua ajuda e de toda família Rotária eu ainda seria aquela garota prepotente que pensa que nada é bom o suficiente.

Este ano não só me ajudou a amadurecer mas também me mostrou a importância da palavra amor, em 4 diferentes maneiras:

1-  Amor pelo meu país e orgulho em dizer: sim eu sou Brasileira, nascida em Belo Horizonte, e que o Brasil é mais do que a violência que só se mostra nas tvs norte-americana, amor em abrir um livro e mostras as maravilhas que nós possuímos

2- amor pela minha família que cresceu de 2 pais e dois irmão para 6 pais e 10 irmãos que eu  sei que eu me amam o tanto que eu os amo

3- amor pela humanidade em geral, que sozinhos não somos e nem faremos nada mas que juntos podemos mudar o mundo (e vocês rotarianos estão mudando o mundo para melhor)

4- Amor próprio.
Esse foi um ano que eu aprendi quem eu sou, foi um tempo que eu tive para aprender e amadurecer a ideia de quem é Isabela Pereira Alves, que eu aprendi que a vida não se resume a mim, e sim a um conjunto chamado sociedade.

Sempre atribui sucesso a questão monetária, mas eu posso dizer que vocês do Clube Betim e do distrito 4760 me fizeram a pessoa mais rica do mundo, porque o sorriso é a gratidão que eu ganhei de uma garotinha quando em um trabalho em uma comunidade próximo a minha cidade é inestimável, a sensação de que eu posso fazer mais e ajudar alguém, isso ninguém tira de mim.

Então eu queria agradecer pela maravilhosa oportunidade de crescer e de me reconhecer, e acima de tudo de aprender a Amar, muito obrigada e saibam que eu serei eternamente grata a vocês.

Com muito carinho, Isabela Alves

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *